SEJAM BEM VINDOS! A terra é uma só. A humanidade é uma só. A FELICIDADE é uma só.


Pessoal, quando vi esta reportagem, juntando que eu me incluo nela, e mais um episódio que aconteceu comigo semana passada, imaginem estava em uma fila imensa em um banco para pagar uma conta e inesperadamente fui abordada por um senhor na fila que falou que eu poderia ir para fila preferencial,imaginando que eu estivesse grávida, suponho, resolvi então pesquisar mais e começar a escrever e praticar sobre como ter um corpo físico mais saudável e fininho, principalmente a minha barriga,risos, afinal temos que preservar e zelar a natureza os bens materiais, mas, principalmente o nosso corpo físico que é o templo da nossa alma.

Enfim, vou procurar colocar dicas de perda de peso e exercícios físicos para conseguir entrar no meu jeans novamente.

Gordura causa doenças, depressão, baixa estima…,ninguém pode ser feliz, assim certo? Não posso concordar que todo gordinho é feliz!
Por favor me enviem via email andreataiyoo@gmail.com alguma dica de como perder peso. Vamos compartilhar!


A obesidade já é considerada epidemia mundial e problema de saúde pública.

Afeta mais de 300 milhões de pessoas em todo o mundo. A prevalência da doença vem aumentando significativamente nos últimos anos, em todas as faixas etárias.

Nos Estados Unidos, 60% dos homens e 51% das mulheres têm sobrepeso ou obesidade. Já no Brasil, 40% da população está acima do peso. Estudo recente realizado pela Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia revelou que 15% das crianças brasileiras são obesas.

A endocrinologista Maria de Fátima de Carvalho Siqueira explica que a obesidade mais problemática é aquela em que a distribuição da gordura corporal é considerada padrão central. Ou seja, maior acúmulo no tronco e abdômen, a tradicional “barriga de cerveja”.

“Esse tipo de gordura está mais associada a alterações metabólicas e conseqüentemente a diversas patologias. É mais comum em homens”, aponta. A médica observa que a circunferência abdominal é considerada de risco quando supera os 102 centímetros em homem e 88 centímetros em mulher. Alguns endocrinologistas, no entanto, ressalta Fátima Siqueira, limitam, para ambos os sexos, 90 centímetros.

Fatores genéticos; maus hábitos alimentares, que muitas vezes começam na infância; sedentarismo, crescente nas crianças que tem trocado atividades ao ar livre pelo computador, TV e vídeo-game; estresse e correria na vida moderna. Tudo isso causa obesidade, conforme a médica. A medicina estuda a ação de substâncias produzidas no organismo, que regulam a fome e a saciedade, como leptina, ghrelina e adponectina. A expectativa é de que no futuro, de acordo com Fátima Siqueira, é que sejam produzidos medicamentos que interfiram nessas substâncias.

Hoje, os remédios são indicados em casos selecionados, quando não há sucesso com o tratamento clínico, ou para pessoas que apresentem obesidade ou mesmo obesidade mórbida. “Os medicamentos são coadjuvantes e devem ser indicados sempre sob supervisão médica, porque podem resultar em efeitos colaterais significativos, por exemplo, aumento da pressão arterial”, salienta.

Os dois medicamentos mais usados no mundo são a sibutramina, que promove saciedade, fazendo com que a pessoa coma menos, apesar de não tirar o apetite; e o orlistat, que age no intestino, diminuindo a absorção de gordura. Em alguns casos, quando o quadro de obesidade está associado à ansiedade, é indicado antidepressivo, como a fluoxedina.

Vamos reciclar nossas mentes e pensar como magras já!

Comentários a: "40% dos brasileiros estão acima do peso – ninguém pode ser feliz assim!" (2)

  1. Adorei a matéria, realmente temos que cuidar da nossa saúde!

  2. Olá Themis, obrigada pela visita,aguarde novidades. Bjs

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: